Faltam 2 semanas

2 semanas para a chegada do Danilo! Acho que serão as duas semanas mais longas da minha vida…

Quando eu engravidei pensei: “essa gestação vai ser ótima, estou tão bem emocionalmente, fisicamente, está tudo estável, tenho um marido presente, que não só me ajuda, mas que realmente exerce seus papéis como marido, pai, provedor. Não pode acontecer nada de ruim, né… afinal, está tudo dentro do que planejamos! Além disso, já estou expert no assunto. Não há nada para me assustar ou me deixar ansiosa. Vou tirar de letra!”.

Mas foi só passar a euforia de descobrir a gravidez e a tireoide começa a dar os seus ataques que o meu ideal de gestação foi por água abaixo. E posso dizer que, ao contrário do que idealizei, essa foi a gestação mais difícil: tanto física como emocionalmente. E não que tenha ocorrido algo que me desestabilizasse, mas algo que veio de dentro.

Achei que todo aquele processo de interiorização tinha ficado pra trás, lá na gravidez da Nandinha. Mas, dessa vez, acho que fiquei mais introspectiva que das outras vezes. E aí, todo aquele processo de rever conceitos, de analisar o passado, de me analisar e ver o que ainda está errado no meu comportamento e no meu caráter.

Nunca passei tanto mal no final de uma gravidez. Faz mais ou menos um mês que estou fazendo o básico do básico e passando o restante do tempo de molho, pra conseguir levar o dia a cabo. E não conseguir fazer as coisas do meu jeito ainda me deixa profundamente irritada. O que não deixa de ser um tratamento para essa questão do temperamento.

Me lembro da gravidez do Uel e, nos últimos dias, parecia que eu ainda estava de 7 meses. Fazia tudo, cuidava da Nanda, que ainda era bebê, numa boa… Aí, você engravida de novo e acha que vai ser igual, que vai ser tranquilo e descobre que ou você tá ficando velha ou realmente a minha idealização me pregou uma peça.

Falar a verdade eu nunca gostei muito de ficar grávida não. Nunca senti mágica nenhuma, muito menos o ser mais incrível do planeta. O que eu amo mesmo é pegar aquele pacotinho no colo, mimar, amamentar, sentir, cheirar… Por isso, meu Deus, estou muito ansiosa pra ver logo a carinha do Dani. Quero ele aqui fora, quero poder compartilhar com todo mundo esse amor, porque, mesmo com essa barriga enorme, às vezes ainda parece meio abstrato para os outros.

E 2 semanas… que eternas essas 2 semanas serão… Se vou sentir saudades delas: NÃO. Saudade eu sinto dos meus filhos é aqui fora! Mas graças à Deus que me deu o privilégio de trazer essa gravidez à termo. 37 semanas! É vitória. Apesar de querer dar um grito todas as vezes que me perguntaram “como está o bebê?”. O bebê? O bebê está ótimo! Claro, ele sugou quase todas as minhas energias em todo esse tempo. Alooouuuu! Alguém quer saber como EU estou, ou seria muito egoísmo da minha parte?

Engraçado, mas acho que instintivamente, sempre que vou cumprimentar alguma grávida eu pergunto: “e VOCÊ, como VOCÊ está?”. Porque a impressão que tenho é que a gente vira meio que coadjuvante nessa novela. Sem a gente, ela não existe, mas não que a gente tenha alguma importância. E a minha vontade quando me faziam essa pergunta (“como está o bebê?”), era de falar “o bebê está ótimo, eu é que não estou”. E apesar de algumas vezes, em dias piores, ter dado essa resposta para algumas pessoas, a cara delas em reação a minha resposta não era das mais empáticas.

Mas, enfim… estamos no fim! Sobrevivi! Estou sobrevivendo! E, no fundo, no fundo, apesar de todo esse chilique, o que importa mesmo é que o meu filho está forte e saudável, mesmo que tenho me deixado na cama! Isso é ser mãe! Tipo aquela coisa de “daria a vida pelo meu filho”. É quase isso! Não totalmente, mas num sentindo tão profundo quanto!

#37semanas

Vem, Danilo, vem!

#sequiseradiantarnãovouimportar

Anúncios

Obrigada pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s